Tratamentos

Clínicos

Consulta médica dermatológica

Consulta inicial ou de rotina para avaliação e escolha dos tratamentos necessários.

Aplicação de toxina botulínica

Tratamento da hiperidrose (suor excessivo) localizada.

Cauterização química

Aplicação de acido tricloroacético ou outros agentes cáusticos, a fim de tratar lesões benignas como verrugas e ceratoses.

Correção de “orelha rasgada”

Lobuloplastia é a cirurgia de reconstrução do lóbulo rasgado ou bífido e a técnica cirúrgica depende se a fenda é parcial ou total . O lóbulo da orelha não contem cartilagem, apenas pele e gordura, ou seja, não tem nenhum tecido de sustentação .

Com o passar do tempo, se instala flacidez e perda de tecido celular subcutâneo, o que acaba por alargar o furinho do brinco .

Além disso, frequentemente usamos brincos pesados, e a ação da gravidade junto com essa falta de sustentação local, pode levar ao alargamento, e até mesmo à abertura do furo, podendo chegar a dividir o lóbulo da orelha em 2 partes .

É um procedimento ambulatorial simples e rápido, realizado com anestesia local, e que costuma deixar uma cicatriz discreta .

É necessário aguardar pelo menos 1 mês, para colocar novo brinco na orelha reconstruída .

Remoção de “sinais” e pequenos tumores de pele

Pequena cirurgia que retira sinais e tumores de pele, com incisão e sutura, ou eletrocoagulação das lesões, de acordo com sua natureza benigna ou maligna.

Crioterapia

Procedimento indicado para tratamento de lesões benignas e malignas, que consiste na aplicação de nitrogênio liquido. Bastante rápido e com bons resultados estéticos.

MMP – Microinfusão de medicamentos na pele

É uma técnica de entrega de medicamento de forma homogênea e segura na pele, permite que substâncias e ativos atinjam diretamente as células responsáveis pela doença.

IPCA – Indução percutânea de colágeno

Método que utiliza um instrumental com microagulhas estéreis que visa um estímulo na produção de colágeno, melhorando a coloração, textura, brilho e firmeza da pele. Utilizada para tratamento de melasma, estrias, cicatrizes de acne, pós trauma e pós cirúrgicas.

Dermatoscopia

É um método auxiliar clínico, não invasivo, utilizado para diagnóstico de doenças de pele e cabelos, e para o acompanhamento de pintas e sinais.

Para este exame, é utilizado um aparelho chamado dermatoscópio, que apresenta uma lente com aumento da imagem e iluminação específica.

Biópsia de pele e unha

É um método que auxilia no diagnóstico das doenças da pele, da unha e do couro cabeludo. Consiste na remoção de pequena parte de uma lesão para estudo anatomopatológico.

A Biópsia de Pele, é um procedimento cirúrgico simples,realizado em consultório e sob anestesia local.